Rovio anuncia dubladores de filme dos Angry Birds com nomes de Game of Thrones, Frozen e Saturday Night Live

Depois de produzir os curtas de animação Angry Birds Toons com os famosos rivais voadores e suínos para a tv (veja alguns episódios no canal de YouTube da empresa), o estúdio finlandês de entretenimento digital Rovio parece determinado a dar andamento ao projeto ANgry Birds Movie, com a produção do filme previsto para estrear nos cinemas em 1º de julho de 2016. O projeto, que segue a cargo da Columbia Pictures, de acordo com informação divulgada pelo Destructoid, será dirigido por Clay Katis, que despontou com a realização de Detona Ralph, e Fergal Reilly, responsável pela incursão cinematográfica de Os Smurfs e Spiderman 2.

Segundo o Gamespot, o estúdio de animação e efeitos visuais Sony Pictures fica responsável pela produção e a distribuição será realizada pela pela Sony Pictures. O site ainda afirma que a série animada para tv contabilizou até o momento mais de três bilhões de visualizações, o que certamente avaliza o projeto para as telonas de todo o mundo.

O Game Informer destacou a lista de artistas convocados para dar voz e vida aos personagens da animação, apresentando nomes como Jason Sudeikis, do programa de tv Saturday Night Live, para o Vermelho (um pássaro enraivecido com questões ligadas a gestão), Josh Gad, o Olaf de Frozen, interpretando o rápido pássaro Chuck, Danny McBride, da comédia Eastbound & Down, do canal HBO, como o Bomba, Bill Hader, outro comediante do Saturday Night Live, na voz do vilão, Maya Rudolph, do filme Missão Madrinha de Casamento, incorporando a personagem Matilda e Peter Dinklage, de Game of Thrones, interpretando a Águia Poderosa (Mighty Eagle).

Embora não haja divulgação da história do filme, sabe-se que o roteiro está sendo produzido por Jon Vitti escritor veterano mais conhecido por seu trabalho em Os Simpsons, da Fox.

Mais informações estão disponíveis direto no site da empresa: www.rovio.com

Sobre Kao Tokio
Editor de conteúdo do site Play'n'Biz - Pesquisador de novas mídias e entretenimento digital como linguagem e expressão da cultura contemporânea

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*



*