Escola Brasileira de Games em SP oferece curso de tradução para jogos digitais com Horacio Corral

Horacio Corral, profissional com vivência prática em tradução literária e conversão de conteúdo de jogos digitais para outros idiomas oferece curso na EBG com as principais dicas e técnicas para o insurgente mercado de jogos do Brasil para o mundo - Por Kao Tokio

“Existe muito trabalho que pode ser feito nessa área, especialmente no Brasil”. Assim Horacio Corral iniciou a conversa com o Play’n’Biz para explicar os detalhes sobre o curso de Técnicas de Tradução utilizadas no mundo dos Games, a ser ministrado na Escola Brasileira de Games, em São Paulo, no próximo dia 22 de novembro, das 9h às 17h.

O curso em questão tem o objetivo de apresentar os fundamentos e ferramentas essenciais para a tradução e localização de jogos digitais, incluindo as ferramentas de CAT (Computer-Assisted Translation), muito utilizadas na tradução e localização de projetos com grandes quantidades de informação e níveis variados de complexidade.

Horacio Corral

Horacio Corral

“O grande desafio é conhecer a mídia em si. Os jogos digitais são um novo tipo de linguagem e a mais complexa já criado pelo homem”, comenta Horacio, para explicar a importância do processo para a produção de jogos e a necessidade de considerar sua criação em idiomas diversos. “No caso do Oniken, existiam referências muito importantes a serem levadas em conta na localização para o Espanhol”, rememorou o profissional, responsável pela tradução do game para outros idiomas, contextualizando a relevância desse trabalho. “Filmes de ação dos anos 80, como Predador e Rambo, e jogos de NES, Ninja Gaiden, Vice: Project Doom and Kabuki Quantum Figther, que inspiraram o jogo a criação do jogo, e não eram somente referências culturais mas referências na hora de localizar o jogo. As localizações ruins para o Espanhol e o jeito canastrão das dublagens desses filmes para o espanhol foram levadas em conta na hora de fazer a tradução. A intenção era oferecer ao jogador essa experiência única e interessante que o Oniken propõe e que é jogar um jogo 8-bits de “Nintendinho” em pleno século XXI. A julgar pela recepção da crítica e do público, o pessoal da JoyMasher fez um excelente trabalho nesse sentido”.

Horacio Corral já atuou em diversas áreas da Economia Criativa em várias áreas de atuação, trabalhando já há alguns anos com traduções literárias e técnicas. Na área de jogos digitais, além da tradução para o espanhol do jogo Oniken, foi o responsável pela tradução para o inglês do jogo Soul Gambler e participa, no momento, do processo de tradução jogo brasileiro Toren, entre outros.
“O mercado ainda é novo por aqui e não há grandes investimentos pelos produtores brasileiros nesse sentido. Mas é inegável que, ao localizar um jogo digital para outros idiomas, o estúdio multiplica o tamanho do seu público e de maneira imediata aumentas suas vendas”, informa o palestrante. “A clara tendência é o crescimento do mercado brasileiro”, enfatiza.

Escola Brasileira de Games

Escola Brasileira de Games

O curso tem uma carga horária de 8 horas, incluindo coffee break, e conta com uma metodologia prática e de fácil entendimento, informa o comunicado da EBG, esclarecendo ainda que, durante o curso, serão abordados os fundamentos da tradução, as diferenças entre tradução e localização, fundamentos e uso das principais ferramentas, diferenças da tradução de jogos em comparação com outros segmentos, e dicas e caminhos para o ingresso nessa área.

“Mais do que uma introdução, o curso é uma instrumentalização, com o objetivo de apresentar os conceitos, ferramentas e fundamentos necessários para compreender a área e atuar nela, saber como pensar e como encarar os desafios que ela propõe”, comenta Horacio, ao ser perguntado sobre a qualificação oferecida pelo curso. “Toda carreira requer um constante aprendizado e a área de tradução e localização mais ainda. A todo momento surgem novas referências, ferramentas e conceitos, é necessário se manter atento e antenado nas novidades”, afirma.

O investimento para o curso é de R$ 595,00 e as inscrições podem ser realizadas diretamente na Escola Brasileira de Games, através do link: http://www.escolabrasileiradegames.com.br/blog/traducao-de-jogos-digitais. Outras informações podem ser obtidas pelo email secretaria@escolabrasileiradegames.com.br.

“A abordagem do curso é didática e de fácil entendimento tanto para tradutores que já atuam na área quanto para interessados sem formação específica. Desta maneira o curso acaba sendo um jeito direto e efetivo de conhecer melhor o mundo dos jogos digitais e a essa nova indústria do entretenimento”, finaliza o especialista. A EBG, centro de educação e cultura gamer voltado ao ensino dos conceitos e tendências de gestão empresarial da indústria de jogos, que iniciou suas atividades neste ano, está localizada próxima à Avenida Paulista, em São Paulo e oferece cursos em áreas diversas voltadas ao mercado de games.

EBG: http://www.escolabrasileiradegames.com.br
Horacio Corral: http://horaciocorral.com.br

Sobre Kao Tokio
Editor de conteúdo do site Play'n'Biz - Pesquisador de novas mídias e entretenimento digital como linguagem e expressão da cultura contemporânea

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*



*