Universidade estadual da Bahia abre chamada de trabalhos para Seminário Jogos Eletrônicos

11ª edição do evento acadêmico da UNEB abre chamada de trabalhos em várias áreas de pesquisa relacionadas aos Jogos Digitais, com tema voltado às evidências de aprendizagens com Games - Por Kao Tokio

A Drª. Lynn Alves, professora e pesquisadora da UNEB, Universidade Estadual da Bahia, e coordenadora do Grupo de Pesquisa Comunidades Virtuais anunciou na última semana nas redes sociais a etapa inicial de chamada de trabalhos acadêmicos para o XI Seminário Jogos Eletrônicos, Educação e Comunicação – construindo novas trilhas, que acontecerá entre os dias 01 e 02/06/15, em Salvador.

Lynn Caricatura

Lynn Alves

O tradicional evento de cultura digital voltada a estudos das interações lúdicas em ambientes virtuais receberá projetos teóricos e empíricos relacionados a um dos quatro grupos de trabalho do evento: GT 1 – Jogo eletrônicos e cultura , GT 2 – Jogos eletrônicos e Computação, GT 3 – Jogos eletrônicos, aprendizagem e avaliação e GT 4 –Jogos eletrônicos Arte & Design. O tema foi definido para este ano como “Jogos eletrônicos e evidências de aprendizagem: os desafios no processo avaliativo”.

Similar ao SBGames, também direcionado a pesquisas com foco no entretenimento digital e jogos eletrônicos, o seminário da UNEB tem recebido número crescente de produções e estudos a cada nova edição, o que demonstra a qualidade e consistência de análises e pesquisas da atualidade, que visam dar lastro e reconhecimento ao desenvolvimento e à apreciação de games como expressão artística e cultural. Paralelo com as apresentações dos trabalhos selecionados, será realizada uma mostra de jogos eletrônicos onde desenvolvedores poderão apresentar game e socializar o processo de desenvolvimento com a comunidade. Nesta edição, a mostra conta com uma categoria específica para os jogos desenvolvidos com enfoque na acessibilidade e inclusão de pessoas com deficiência e outra para jogos que tenham perspectivas avaliativas. 

Lynn Alves, que é também pedagoga, mestre e doutora em Educação e Comunicação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), explica que dando a realização de mais esta edição dá continuidade e fortalecimento às discussões iniciadas em 2005, na UNEB, que contribuíram para a criação da Rede Brasileira de Jogos e Educação (RBJE), um marco para pesquisadores da área. “O nosso seminário se constituiu em um marco, na medida em que foi o primeiro evento no Brasil que reuniu os pesquisadores das áreas de ciências humanas, ciências sociais aplicadas e ciências exatas. O SJEEC foi criado em 2005, antes do track de cultura do SBGAMES, que só iniciou em 2007, em Recife”, informa a pesquisadora. “O Seminário é um espaço para socialização e discussão de projetos e pesquisas, interlocução com os órgãos que pensam políticas para o audiovisual, bem como para apresentação de jogos desenvolvidos por profissionais do nosso e de outros estados brasileiros”, informa Lynn Alves, salientando que, a cada edição é frequente a presença de pesquisadores brasileiros, portugueses e alemães, entre outros. “Esse ano traremos uma pesquisadora espanhola”, complementa.

Os trabalhos podem ser submetidos para avaliação do Conselho Científico do Seminário até o dia 28 de fevereiro de 2015, através do sistema de envio de trabalhos acadêmicos Easychair disponível no link: https://easychair.org/conferences/?conf=sjeec20153. Mais informações podem ser encontradas na página do Semanário na rede Facebook, em https://www.facebook.com/seminariojogos.

Seminary

Sobre Kao Tokio
Editor de conteúdo do site Play'n'Biz - Pesquisador de novas mídias e entretenimento digital como linguagem e expressão da cultura contemporânea

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*



*